sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Ted Talk da semana: John Hunter sobre O Jogo da Paz Mundial



John Hunter coloca todos os problemas do mundo num tabuleiro de contraplacado de 1,2m por 1,5m e deixa os seus alunos do 4º ano resolvê-los. No TED2011, ele explica como é que o Jogo da Paz Mundial motiva os seus alunos, e porque é que as lições complexas que o jogo ensina - espontâneas, e sempre surpreendentes -- vão mais longe do que alguma aula pode ir.

Teacher and musician John Hunter is the inventor of the World Peace Game (and the star of the new doc "World Peace and Other 4th-Grade Achievements")

Full bio »

quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Poema- Mário Quintana

"Do bem e do mal
Todos tem seu encanto: os santos e os corruptos.
Não há coisa na vida inteiramente má.
Tu dizes que a verdade produz frutos...
Já viste as flores que a mentira dá?"

-Mario Quintana

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Nestlé patenteia milhares de componentes produzidos pelo corpo humano

Não é só a Monsanto que patenteia componentes da natureza, como as sementes, orientando os agricultores a comprar apenas as sementes certificadas, mas agora também a Nestlé está patenteando componentes do ser humano, como o leite materno e outros elementos do corpo. 
A Organização Netzfrauen salientou que o fato de que os produtos naturais, sejam humanos ou vegetais, como as sementes de plantas, estejam sendo patenteados e tornem-se propriedade das grandes corporações é uma grande mudança de gestão, o que concede a elas seu poder e domínio. Netzfrauen criticou o fato de que a Food and Drug Administration (FDA) define as células humanas como uma droga, a fim de que possam competir com produtos registrados. “As pessoas têm suas células-tronco, seus tecidos e fluidos. Uma empresa que concede patentes que se relacionam com o leite materno é uma loucura “, destacou em seu relatório. O ser humano tem esses produtos próprios para defender o organismo contra vírus, bactérias e outras doenças. 
O leite materno contém proteínas, lactose, carboidratos, triglicerídeos e gordura. Contém ácido oleico, que remove as células tumorais de gordura, bem como as gorduras insaturadas, destacou a organização. Com a amamentação, que nos tempos modernos foi reduzida a seis meses e que no passado chegava a dois anos, os bebês se mantêm saudáveis até formar seu próprio sistema imunológico e defesas que perdurarão por toda a vida. 
Pediatras do mundo todo promovem o aleitamento materno como sendo vital para a saúde humana. “O material genético contido no leite materno não pode ser patenteado para fins comerciais”, diz Netzfrauen, observando que nem mesmo pode ser combinado”, como um fator adicional para suas patentes existentes.” “Converter um produto humano como algo sob posse de uma patente é grotesco e nunca deve ser permitido. Os cientistas mal podem esperar para dizer que eles são donos da terra, do ar, da água e de tudo o que está ao seu alcance, então “descobriram” que o leite materno já não pertence à vida, mas é propriedade das empresas”, acrescentou a organização. No mês de julho, a organização informou que há 2.000 patentes de componentes do leite, e detalhou o caso da Nestlé, contra a qual existe uma petição: “Nestlé, pare com as patentes de componentes do leite humano”, promovida pela nutricionista Valerie McLain, do Canadá, e a organização IBFAN (Rede International Baby Food Action). 
A Netzfrauen também cita, com preocupação, que a empresa Prolacta Biosciences, da qual um dos diretores é Ernie Strapazon, da Nestlé, planeja coletar leite materno de hospitais e comprá-lo em parceria com outras empresas para comercializá-lo como uma droga no mercado, para os mesmos hospitais, disse a organização, de acordo com uma reportagem da BBC. “A empresa também planeja realizar uma análise detalhada do leite materno. 
De acordo com estimativas preliminares, o leite materno contém cerca de 100 mil componentes diferentes. Até agora, os pesquisadores sabem de apenas alguns poucos deles “, acrescenta Netzfrauen. Em seu site, a Prolacta promove doações de leite materno “para arrecadar fundos para caridade e ajudar doentes e bebês prematuros.” A Prolacta destaca, por sua vez, que o Sr. Strapazon “liderou um esforço pioneiro para estabelecer o negócio de nutrição infantil da Nestlé dos EUA”. Foi Presidente da Divisão de Nutrição Nestlé, e estava incumbido da “gestão de marca, planejamento estratégico global, inovação / renovação e administração geral.” Venda de produtos paralelos Paralelamente ao questionamento ético da certificação de produtos próprios do corpo humano, nas redes sociais e na Internet surgem negócios ilegais onde estes componentes são mencionados. 
 Em fóruns femininos difundidos na Internet, encontram-se publicidade de produtos descritos como patenteados e aprovados por algum Ministério da Saúde e que, supostamente, incluem componentes do leite materno “patenteado”. Estes produtos vendidos em redes de comércio marginal são normalmente oferecidos para prevenir doenças como a depressão, a doença de Alzheimer, dor de cabeça e outros estados não normais, que podem ser evitados com uma dieta saudável, a partir de leite materno.

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Cientistas provam que o DNA pode ser reprogramado por palavras e frequências



O DNA humano é uma Internet BIOLÓGICA e superior em muitos aspectos a uma rede artificial. 
A mais recente pesquisa científica russa, directa ou indirectamente, explica fenómenos como a clarividência, a intuição, actos espontâneos e remotos de cura, auto-cura, as técnicas de afirmação vocal, a luz incomum/aura em torno de pessoas, influência da mente sobre padrões climáticos e muito mais. Além disso, há evidências de um novo tipo de medicina nas quais o DNA pode ser influenciado e reprogramado por palavras e frequências SEM remover e substituir um único gene, ou sem a prática da medicina invasiva convencional. “Cromossomas vivos funcionam como solitónicas / computadores holográficos que usam a irradiação Laser do DNA endógeno”. Isso significa que eles conseguiram, por exemplo, modular a frequência de certos padrões num raio laser e com isso influenciar a frequência do DNA e, assim, a própria informação genética. Desde que a estrutura básica dos pares alcalinos do DNA e da linguagem sejam da mesma estrutura, nenhuma descodificação do DNA foi necessária. 

Nós agora sabemos que, assim como na Internet o nosso DNA pode alimentar seus dados apropriados para a rede, pode chamar os dados da rede e podemos estabelecer contacto com outros participantes da rede. A cura à distância, telepatia ou "sensibilidade à distância” sobre o estado de parentes, etc pode ser explicado. Mestres conheceram por eras que o nosso corpo é programável pela linguagem, palavras e pensamentos. 

Isso já foi cientificamente provado e explicado. Alguns animais sabem também à distância quando os seus donos planeiam voltar para casa ou quando algum acontecimento importante está prestes a acontecer. Isso explica finalmente e cientificamente por que as afirmações, os decretos, recitação, o treino autógeno, hipnose e similares podem ter efeitos tão fortes nos seres humanos e nos seus corpos. É perfeitamente normal e natural para o nosso DNA reagir à linguagem humana (o poder do Verbo). Enquanto os pesquisadores ocidentais cortam genes simples das fibras do DNA e inserem-nos noutra parte, os Russos trabalharam entusiasticamente nos artifícios que podem influenciar o metabolismo celular através das adequadas frequências moduladas de ondas rádio e de luz e assim reparar defeitos genéticos. 

É claro que a frequência tem que ser correta. E é por isso que nem todos são igualmente bem-sucedidos ou podem fazê-lo sempre com igual força e resultado. 
A pessoa individualmente deve trabalhar nos processos internos e na maturidade (espiritual), a fim de estabelecer uma comunicação consciente com o seu DNA. Assim, de acordo com as descobertas, a molécula de DNA é como um antena para nossa consciência e a energia dos nossos pensamentos.  [Continue a ler aqui]

Para saber mais em:
Bruce Lipton
Healing Codes (por Alan Loyd)
Protocolos de Cura

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Documentário - Viagem ao Centro da Terra



“Viagem ao Centro da Terra” é um documentário realizado pelo “History Channel” que lança ao espectador o desafio de viajar até ao coração do planeta para desvendar os mistérios subterrâneos. Ao longo da história, o ser humano explorou os quatro cantos do globo, e conseguiu até alcançar o espaço. No entanto, atingimos apenas 11 km abaixo da superfície terrestre  um mundo repleto de segredos que importa descobrir. Explorar os 6.400 km que existem debaixo dos nossos pés é o objectivo deste documentário, que avança pelas três distintas camadas subterrâneas: crosta terrestre, manto e núcleo. Durante a descida até ao centro, vamos descobrir diferentes formas de vida, minas do tamanho de cidades, várias riquezas minerais, atletas que percorrem maratonas subterrâneas, entre várias outras curiosidades. Cientistas, geólogos, engenheiros e exploradores intervêm na narrativa para o esclarecimento de alguns conceitos científicos de relevo. Este é um documentário educativo, que complementa informação científica com dados históricos e que consegue transmitir uma grande mensagem para os mais distraídos: é o que acontece no subterrâneo que mantém o planeta vivo.

domingo, 26 de janeiro de 2014

Arte-poema- Antero de Quental

 Ivy Jacobsen
Sonho de olhos abertos, caminhando
Não entre as formas já e as aparências,
Mas vendo a face imóvel das essências,
Entre ideias e espíritos pairando…

Que é do Mundo ante de mim? fumo ondeando,
Visões sem ser, fragmentos de existências…
Uma névoa de enganos e impotências
Sobre vácuo insondável rastejando…

E d'entre a névoa e a sombra universais
Só me chega um murmúrio, feito de ais…
É a queixa, o profundíssimo gemido

Das coisas, que procuram cegamente
Na sua noite e dolorosamente
Outra luz, outro fim só pressentido…

Antero de Quental

Fotopoema- Os Enganos do Viver



Os Enganos do Viver
(Poema que aborda a fragilidade da vida e aponta os seus enganos e os seus inimigos)

Que outra verdade hav'rá senão pobreza
nesta vida tão frágil, leviana?
Os dois embustes são da vida humana,
no berço começando, honra e riqueza.
O tempo, que não volta nem tropeça,
em horas fugitivas só a engana;
em errado ansiar, sempre tirana,
Fortuna faz cansar sua fraqueza.
Vive morte calada e divertida
a própria vida; a saúde é guerra
por seu próprio alimento combatida.
Oh, quanto, distraído, o homem erra:
que em terra teme ver tombar a vida
e não vê que, ao viver, caiu por terra! 


Francisco Quevedo, in 'Antologia Poética'
Tradução de José Bento

sábado, 25 de janeiro de 2014

Long Dark Train


Adrian Borland - Long Dark Train 

This long dark train
For years it's rolled
We cry in vain
The doors stay closed
Driven for the few
By sleight of hand
It runs the length
Of this shattered land

But soon the chance will come
The chance to leave this train
And don't forget, don't forget, NO, NO
To never come this way again

Death on the tracks
It rattles down
Past silent yards
Through ghostly towns
Past disused towers
It powers by It runs on time
It runs on lies

I think I hear the scream of brakes
And just up ahead the buffers wait
The terminal for this long dark train

Mais temas de Adrian Borland no Bioterra

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Dia dos Jornalistas e dos Escritores


Texto e cartaz elaborado por João Soares

Com a intenção de honrar quem nos proporciona o acesso à informação e ao conhecimento, em liberdade de expressão; a quem escreve sobre a realidade e a ficção; a quem fotografa e ilustra o mundo com humor e rigor.

Também é um dia para lembrar  sobre a especificidade das suas tarefas, das suas funções na sociedade e da importância da liberdade de expressão para o exercício da sua profissão.

Outra forma é em espaços como escolas, cafés literários, relembrar leituras, e homenagear escritores, jornalistas, fotógrafos e ilustradores.

Podes ver nas etiquetas Jornalismo e Literatura tudo o que o Bioterra já postou

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

Curta- Animação: A História da Monsanto em 70 segundos


É um resumo da obra de Jeff Bigman intitulado "História da Monsanto, de 1930 até o presente" e do excelente filme "Roleta Genética - O Jogo das Nossas Vidas" Genetic Roulette- the Gamble of our Lives

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

4 Hours Ocean Waves Sea Waves Without Music

Loving Nature- we love you 
4 Hours Ocean Waves Sea Waves Without Music 
Nine scenes of the ocean between Hengistbury Head and Bournemouth Pier in Dorset on the south coast of England during the month of April 2012.

terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Infográfico- as melhores posições e benefícios da sesta (ou pequenas sonecas)

Infographic: bigger view: here
Por que é que para alguns as sessões de soneca activada deixam-nos mais inquietos e desconcentrados  enquanto  para outros os ajudam a ficar mais concentrados e produtivos.
Há uma arte para cochilar. Estudos descobriram diferentes benefícios e malefícios para a cronometragem de uma soneca, duração e até mesmo o seu efeito em pessoas diferentes, dependendo da idade e possivelmente genética.
Leia toda a história aqui 

segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Groningen: The World’s Cycling City



Não é nenhum segredo que em qualquer lugar que se vá na Holanda, é um lugar incrível para a bicicleta. E, em Groningen, uma cidade do norte com uma população de 190.000 e uma quota de bicicleta de 50%, o ciclismo é tão confortável como em qualquer cidade da Terra. O grande número de pessoas andando a qualquer momento vai surpreendê-lo, assim como a ausência de automóveis no centro da cidade, onde os carros parecem extintos. É notável o quão tranquila a cidade é. As pessoas vão de bicicleta para o trabalho, realizam diversas tarefas e até mesmo de mãos dadas de bicicleta.

Ler toda a reportagem (em Inglês) aqui

domingo, 19 de janeiro de 2014

O Cântico dos Cânticos


Ao passear um dia pela praia de Matosinhos, recordei-me que um pedaço do mar que acabava de ver, as cores cinzas e purpúreas e me fez sentir gazela voadora em superfícies planas molhadas, tudo isso me fez lembrar a costa atlântica de Quimper, onde um grupo de bretões me deu a conhecer Alain Bashung. Vale a pena. Não sei, paisagens são transversais...e por essa experiência reportam-nos de repente para transcendências. Ouçam este magnífico álbum interreligioso e amoroso, denso. "Le Cantique des cantiques". RIP Alain


sábado, 18 de janeiro de 2014

Casta Diva

Angela Gheorghiu em "Casta Diva" [Norma] de Bellini


Pure Goddess, whose silver covers
These sacred ancient plants,
we turn to your lovely face
unclouded and without veil...
Temper, oh Goddess,
the hardening of you ardent spirits 
temper your bold zeal,
Scatter peace across the earth
Thou make reign in the sky...




Casta Diva, che inargenti
queste sacre antiche piante,
a noi volgi il bel sembiante
senza nube e senza vel...
Tempra, o Diva,
tempra tu de’ cori ardenti
tempra ancora lo zelo audace,
spargi in terra quella pace

che regnar tu fai nel ciel...

sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Dívida Pública- A maior fraude da Humanidade


Palestra de Bill Still na conferência do IFSS (Fórum Internacional sobre Sistemas Financeiros) em Istambul, Turquia (12/09/13). Bill Still é um ex editor e redactor de jornal. Escreveu para os jornais USA Today, The Saturday Evening Post, the Los Angeles Times Syndicate, OMNI magazine, etc. Escreveu 22 livros e dois vídeos documentários. 

Em 1996 produziu o documentário aclamado "The Money Masters / Os Mestres do Dinheiro" que previu os eventos económicos que estão actualmente a acontecer. Este é considerado o trabalho clássico sobre a reforma monetária.
"Quando oiço os Governantes e poderosos a repetir constantemente nas TV, que, temos que honrar os compromissos" (referindo-se à dívida pública), gostaria de saber, se eles honram, honraram, ou alguma vez honrarão, os compromissos inerentes às funções, para as quais foram eleitos/nomeados... Que tal começarem por honrar o compromisso de zelar pelo interesse público!?" Bill Still 

quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Como os animais vêem o mundo... muito bom video!


A propósito consultem (e partilhem) os dossiês que já tinha feito há uns anos (criados entre 2006 e 2007) e que foram actualizados recentemente com mais links, textos e docs: Consciência Animal, Biologia e Biodiversidade

Obrigado blogosfera, ecoactivistasfotógrafos, todos os meus amigos e todos os que na sua profissão e pessoalmente se empenham na Conservação da Natureza!

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Como ver todas as crateras de meteoritos no Google Earth (instruções em Inglês)

Over the last few millions of years the Earth has had quite a few impacts from meteors, asteroids, and maybe even pieces of comets. Scientists have confirmed 172 locations on the Earth determined to be “impact structures”. In fact, the leading theory for the mass extinction of many animals, including the dinosaurs, 65.5 million years ago was an impact crater known as the “Chicxulub crater”. These locations have been documented in a database available at the Earth Impact Database.
Thinklemon.com has taken the Impact Database and created Google Earth network links (he gets extra points for this) which not only shows the location of the 172 impacts, but shows a size indicator for the larger ones and provides links to Wikipedia articles and other information in the descriptions. He has organized the list by major continents and also includes a list of the top 25. Here is his announcement with his links, or you can download the entire collection now.

Ler mais em Google Earth Blog

terça-feira, 14 de janeiro de 2014

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

A indústria de dietéticos movimenta lucros de 55.4 biliões de dólares

DISTRUBING FACTS ON BODY IMAGE AND EATING DISORDERS

  1. A study showed that women experience an average of 13 negative thoughts about their body each day, while 97% of women admit to having at least one “I hate my body” moment each day.
  2. (Source: raderprograms.com)

  3. Only 5% of women naturally have the body type advertisements portray as ideal. (Source: ndsu.edu)
  4. Of 5th to 12th grade girls surveyed: 47% reported wanting to lose weight because of magazine pictures. 69% said that magazine pictures influenced their idea of what the “picture body” looks like. (Source:kidseatwell.org)
  5. The dieting industry generates at least $55.4 billion in revenue every year. (Source: about-face.org)
  6. In a survey of girls aged approximately 14-18: More than 59% of girls were trying to lose weight. In the last 30 days before the survey, over 18% of girls had starved themselves for a day or more to lose weight. 11.3% of girls surveyed had used diet pills and 8.4% had vomited or taken laxatives to lose weight (Source: casacolumbia.org)
  7. One study found that elite athletes experienced much higher rates of eating disorders (20%) than did a female control group (9%). Female athletes in ‘aesthetic sports’ (i.e. gymnastics, ballet, figure skating) have the highest risk for developing eating disorders (Source: olympic.org)
  8. 41% of first to third-grade girls want to be thinner, while 81 percent of 10-year-olds are afraid of getting fat. 80% of 10-year-old American girls say they have been on a diet. The number one magic wish for young girls age 11-17 is to be thinner. (Source: missrepresentation.org)
  9. As many as 24 million people suffer from an eating disorder — including anorexia, bulimia and binge eating disorder — in the U.S. alone. (Source:anad.org)
  10. 91% of undergraduate women surveyed admitted that they diet. 22% dieted “often” or “always”. (Source: scu.edu)
  11. 42% of 1st-3rd grade girls wish they were thinner. 81% of 10 year olds are afraid of being fat. (Source: raderprograms.com)
  12. 50% of commercials directed towards women mention physical attractiveness. The average adolescent views over 5,000 advertisements that mention attractiveness annually. (Source: raderprograms.com)
Credits: This article first appeared on Prevent Disease.
Outras leituras

domingo, 12 de janeiro de 2014

Lamento tanta tragédia




Neste homem que chora em La Ment, estará um pouco o retrato desta era do absurdo, estranha forma de vida, cheia de tecnovida mas também possui a mais pesada tecnonecrose, em que 500 empresas mundiais são as causadoras de toda a poluição do mundo e apenas 0.1% da humanidade é a mais rica e poderosa.

Ver o documentário 
Galeano: "No vale la pena vivir para ganar, vale la pena vivir para seguir tu conciencia"

sábado, 11 de janeiro de 2014

REintervenção



Blasted Mechanism- Puxa para cima!

Eu vou ser como a toupeira
Eu vou ser como a toupeira
Que esburaca
Penitência, diz a hidra
Quando à seca
Eu vou ser como a gibóia
Que atormenta
Nao há luz que nao se veja
Da charneca
E nao me digas agora
Estás à espera
Penitência diz a hidra
Quando à seca
E se te enfias na toca

És como ela
Quero-me à minha vontade
Nao na tua
O hidra, diz-me a verdade
Nua e crua
Mais vale dar numa sarjeta
Que na mao
De quem nos inveja a vida
E tira o pão

sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Why Your Brain Needs More Downtime (Scientific American, October)

Freelance writer and meditation teacher Michael Taft has experienced his own version of cerebral congestion. “In a normal working day in modern America, there’s a sense of so much coming at you at once, so much to process that you just can’t deal with it all,” Taft says. In 2011, while finalizing plans to move from Los Angeles to San Francisco, he decided to take an especially long recess from work and the usual frenzy of life. After selling his home and packing all his belongings in storage, he traveled to the small rural community of Barre, Mass., about 100 kilometers west of Boston, where every year people congregate for a three-month-long “meditation marathon.”

Taft had been on similar retreats before, but never one this long. For 92 days he lived at Insight Meditation Society’s Forest Refuge facility, never speaking a word to anyone else. He spent most of his time meditating, practicing yoga and walking through fields and along trails in surrounding farmland and woods, where he encountered rafters of turkeys leaping from branches, and once spotted an otter gamboling in a swamp. Gradually, his mind seemed to sort through a backlog of unprocessed data and to empty itself of accumulated concerns. “When you go on a long retreat like that there’s a kind of base level of mental tension and busyness that totally evaporates,” Taft says. “I call that my ‘mind being not full.’ Currently, the speed of life doesn’t allow enough interstitial time for things to just kind of settle down.”

Many people in the U.S. and other industrialized countries would wholeheartedly agree with Taft’s sentiments, even if they are not as committed to meditation. A 2010 LexisNexis survey of 1,700 white collar workers in the U.S., China, South Africa, the U.K. and Australia revealed that on average employees spend more than half their workdays receiving and managing information rather than using it to do their jobs; half of the surveyed workers also confessed that they were reaching a breaking point after which they would not be able to accommodate the deluge of data. In contrast to the European Union, which mandates 20 days of paid vacation, the U.S. has no federal laws guaranteeing paid time off, sick leave or even breaks for national holidays. In the Netherlands 26 days of vacation in a given year is typical. In America, Canada, Japan and Hong Kong workers average 10 days off each year. Yet a survey by Harris Interactive found that, at the end of 2012, Americans had an average of nine unused vacation days. And in several surveys Americans have admited that they obsessively check and respond to e-mails from their colleagues or feel obliged to get some work done in between kayaking around the coast of Kauai and learning to pronounce humuhumunukunukuapua'a.

Ler mais aqui

quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Os negócios ruinosos da água celebrados por vários municípios


Neste episódio do "Sexta às 9", de Abril de 2013, investigaram-se os negócios ruinosos da água celebrados por vários municípios. Só Barcelos, já tem uma dívida de quase 172 milhões de euros ao concessionário. Um mês depois de ter entrado em vigor a nova lei da facturação, avaliou-se a eficácia da lei e o drama de centenas de comerciantes de pequena dimensão para quem comprar um livro de facturas implica um gasto incomportável.

quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

Carta de Albert Camus ao seu professor primário,Louis Germain,pouco depois de ter recebido o prémio Nobel


Caro Monsieur Germain:
Deixei extinguir-se um pouco o ruído que me rodeou todos estes dias antes de lhe vir falar com todo o coração. Acabam de me conceder uma honra excessiva, que não procurei nem solicitei.Mas quando me inteirei da notícia, o meu primeiro pensamento, depois de minha mãe,foi para o senhor. Sem si, sem a mão afectuosa que estendeu ao garoto pobre que eu era, sem os seus ensinamentos e exemplo, nada de tudo isso teria acontecido. Não imagino um mundo com essa espécie de honra. No entanto, constitui uma oportunidade para lhe dizer o que foi, e ainda é para mim, assegurar-lhe que os seus esforços, o seu trabalho e o coração generoso que sempre empregava ainda se encontram vivos num dos seus pequenos alunos que, apesar da idade, não deixou de ser o seu grato estudante. Abraço-o com todas as minhas forças.
                                                         Albert Camus, 19 de Novembro de 1957
Ler ainda
Resposta do Professor Louis Germain (em francês original

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

OGM e Bayer



Quando se fala em OGM, a primeira coisa que lembramos é um nome: Monsanto.
É verdade, a simpática empresa americana tem um lugar em destaque no mundo da manipulação genética. Mas não é a única que opera neste sector.
Uma pesquisa realizada no Instituto Europeu de Patentes mostra que, em termos de número de patentes OGM, a Bayer detém o primeiro lugar. Milho, trigo, arroz, cevada, soja, algodão, beterraba, nabo, batatas, tabaco, tomate, uva: a lista de plantas transgênicas patenteadas pela Bayer CropScience é longa. A corporação também patenteou árvores geneticamente modificadas, tais como choupos, pinheiros e eucaliptos.
Este é o resultado de uma pesquisa na sede do citado Instituto Europeu de Patentes, em Mónaco de Baviera, na Alemanha, realizada pela Coalition Against Bayer Dangers (CBG, Alemanha), juntamente com No Patents On Seeds! ("Nenhuma Patente Sobre as Sementes!"): os pesquisadores examinaram todos os pedidos de patentes apresentados pela Bayer nos últimos 20 anos.
De acordo com os resultados da pesquisa, a empresa possui 206 das 2.000 patentes concedidas na Europa para as plantas transgénicas: isso coloca o Bayer no primeiro lugar, à frente da Pioneer (179), Basf (144), Syngenta (135) e Monsanto (119).


A concentração de mercado

Com uma quota de mercado de 20%, a Bayer CropScience, subsidiária integralmente detida pela Bayer AG, é o segundo maior produtor mundial de agro-tóxicos, (depois da Syngenta). No que diz respeito às sementes, a empresa está em sétimo lugar, com uma quota de 3% do mercado .
O processo de concentração de mercado está a progredir há décadas: na área das sementes e dos pesticidas, as dez maiores empresas detêm uma quota de mais de 70% do mercado. O objectivo deste oligopólio é dividir o mercado, definir os preços, orientar as políticas e, finalmente, intervir de forma decidida na maneira com a qual é produzida a comida: um verdadeiro cartel, fiel ao pensamento do ex-secretário de Estado EUA Henry Kissinger:" Quem controla as sementes, controla o mundo".
E, para este efeito, as patentes sobre as plantas e os animais são etapas essenciais.

Já em 2008, o estudo International Assessment of Agricultural Science and Technology for Development (Avaliação Internacional da Ciência e Tecnologia Agrícola para o Desenvolvimento, IAASTD) das Nações Unidas, expressou preocupação sobre o facto de que a investigação e a partilha do do conhecimento são limitados pelos cada vez maior número de patentes especialmente nos Países em desenvolvimento, o que torna mais difícil a adopção de práticas agrícolas adaptadas à situação local (o que contribuiria para a segurança alimentar e a sustentabilidade económica).

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Descoberto Meteorito Contendo Moléculas Surpreendentes

Meteorito continha compostos orgânicos
Uma rocha espacial que caiu na Califórnia em 22 de Abril de 2012, deu aos cientistas uma visão sem precedentes da química complexa que provavelmente ocorreu durante a infância do sistema solar. 
Eles detalharam suas descobertas em 09 de Setembro na revista Proceedings da Academia Nacional de Ciências. Após analisarem os pedaços do meteorito, chamado de Moinho de Sutter, químicos da Universidade Estadual do Arizona, derreteram alguns minerais com ácido e observaram a presença de compostos orgânicos contendo enxofre e oxigénio, muitos dos quais nunca tinham sido identificados em meteoritos antes.
As moléculas provavelmente se formaram vários milhões de anos atrás, em condições semelhantes àquelas da Terra primitiva: quente e rico em água.
Meteoritos similares provavelmente caíram na terra primitiva e podem ter contribuído para o surgimento da vida, embora alguns considerem que eles iniciaram esse processo, não somente fizeram uma contribuição. Essa hipótese é chamada de panspermia e essa nova descoberta pode ajudar a compreender como os meteoritos podem ter contribuído para “caldo primordial” e o surgimento da vida na Terra.

Jonathan Lunine, cientista planetário da Universidade Cornell disse que “O estudo fornece uma pequena janela sobre o tipo de química que ocorreu na Terra durante a origem da vida”.

Esta rara oportunidade de analisar um meteorito recentemente caído, fez os pesquisadores refletirem sobre a abundância de materiais orgânicos que podem existir em rochas no espaço. A sonda OSIRIS-REx da Nasa, que deve ser lançada em 2016, retornará com uma amostra de um asteróide, há mais de 600 milhões de quilômetros de distância.

Fonte: Science News

domingo, 5 de janeiro de 2014

União segundo Alexandre o Grande



"— O talento foi o maior vício de Alexandre. Até hoje ninguém o superou. Mas, como dizia Platão, “as pessoas de bem não querem governar nem pelas riquezas nem pelas honras”. Isto põe Alexandre fora da lista dos homens de bem? — Quem diz que eu o amava por ser um homem de bem? — Era por ser visionário? — Era porque havia nele bondade; provou-o muitas vezes. É o talento maior que alguém pode ter. — Isso é — disse eu. Não me ocorreu dizer mais nada." 
Agustina Bessa-Luís. Excerto de Autêntica n.º 7, Leça do Balio-Matosinhos: Unicer, 2007 

Texto completo aqui

sábado, 4 de janeiro de 2014

Musica do BioTerra: Adrian Borland- Kissing in the Dark


╬★╬ Rest in paradise, Adrian ╬★╬ 

Adrian Borland estava bastante preocupado com o estado do planeta, o consumismo, a ganância. A canção "Kissing in the Dark", uma das minhas favoritas, tem uma certa relevância para os acontecimentos de hoje como tudo o que faz grande parte de sua obra - um grande letrista, musico e com uma voz soberba. Um dos melhores da sua época. 
Biografia completa aqui

Adrian Boland- Kissing in the dark
On a wild summer day, sprawled out in the park 
With her body so close, we're still kissing in the dark 
Beneath the bluest of skies with the brightest of eyes 
We tell the whitest of lies to keep on kissing in the dark

sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Arte do Perdão

Tuxedomoon- Ship of Fools


"Na tribo Babemba da África do Sul, quando uma pessoa age irresponsável ou injustamente, ela é colocada no centro da aldeia, sozinha e irrestrita. Todo o trabalho cessa e cada homem, mulher e criança na aldeia se reúne num enorme circulo ao redor do indivíduo acusado. Então cada pessoa na tribo fala ao acusado, uma de cada vez, cada uma recordando as coisas boas que a pessoa no centro do círculo tinha feito na sua vida. Cada acidente, cada experiência pode ser recordada com qualquer detalhe e exactidão, é recontado. Todos os seus atributos positivos, boas acções, forças e amabilidades são recitadas cuidadosamente e prolongadamente. Esta cerimónia tribal frequentemente dura vários dias. No final, o círculo tribal é quebrado, uma alegre celebração toma lugar e a pessoa é simbólica e literalmente acolhida de volta para a tribo." ~ Jack Kornfield, The Art of Forgiveness, Lovingkindness, and Peace

quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Re-food contra a fome e o desperdício alimentar

Mais Leituras


Re-food é um projecto sem fins lucrativos, criado para servir como um instrumento para redireccionar refeições (sobras) para pessoas que passam fome. Há muita gente a passar fome! É uma frase que infelizmente nos “habituámos” a ouvir diariamente.É uma realidade que afeta tantos que moram ao nosso lado.É um problema de todos, mesmo que não o sintamos hoje “na própria pele”. É uma verdade que se pode tornar falsa, com a ajuda de cada um! 

O Re-food é um esforço eco-humanitário – 100% voluntário, efetuados por cidadãos e para cidadãos ao nível micro-local 
2. O que é a Missão do Re-food? 
A Missão do Re-food é acabar com o desperdício de alimentos e a insuficiência alimentar, aumentando a solidariedade comunitária em todos os bairros urbanos. Por outras palavras, tornar a cidade de Lisboa a primeira cidade do mundo sem desperdício alimentar e a alimentar quem precisa.

quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Simply Being....É o maior desafio!


The Cure- A Night Like This 
Say hello on a day like today
Say it everytime you move
The way that you look at me now
Makes me wish I was you
It goes deep
It goes deeper still
This touch
And the smile and the shake of your head

I'm coming to find you if it takes me all night
Can't stand here like this anymore
For always and ever is always for you
I want it to be perfect
Like before
I want to change it all
I want to change